Como iniciar no Xamanismo: dicas para os seus primeiros passos.

O xamanismo é natural àqueles que buscam aprender com os ensinamentos de seus ancestrais e com o abundante poder da natureza que nos cerca. O xamanismo é, portanto, natural à todos os seres humanos que habitam Gaia e que estejam dispostos à desconstruir suas crenças limitantes e mergulhar em um caminho longo de redescoberta de si e do universo.

Antes de tudo, é preciso estar preparado para o caminho a ser trilhado. É preciso estar preparado para abrir mão de uma limitante condição humana, um passo que nos coloca de frente com  todas as nossas fragilidades e cicatrizes. É morrer, para renascer. Mas não sem antes enfrentar os apegos, os medos, os traumas, as amarras e os condicionamentos que a vida humana nos impõe desde que nascemos e que travam nosso processo de evolução.

Não à toa, grande parte dos rituais xamânicos adota a morte simbólica como essencial – o seu antigo mundo morre, um novo surge. Por isso, iniciar nas práticas xamânicas é dar espaço para florescer o novo, o essencial dentro de si e dentro do outro. É libertar-se. É entregar-se ao processo e aos ciclos da vida, é honrar suas fases com sabedoria e abandonar os caminhos da certeza que, muitas vezes, nos é confortável e material. É entregar-se à si, aos outros e à Vida, com certa dedicação e confiança.

Adotar o xamanismo como uma prática para sua vida é aceitar estar em constante e eterna transformação. Mais do que isso, em um constante e eterno processo de cura. É começar de novo, quando já vivemos tantas coisas e estamos carregados de tantos significados que trouxemos dessa jornada. É, entre tantas coisas, aceitar um mundo invisível aos olhos, uma sabedoria esquecida e marginalizada durante tantas décadas por distintas civilizações e, principalmente, é redescobrir a riqueza do mundo, tal como nossos ancestrais e povos nativos fizeram.

práticas xamanicas.jpg

Dicas de práticas simples, para iniciar sua descoberta no universo Xamânico:

  1. Leia e compreenda os ensinamentos do xamanismo. Conheça suas diferentes vertentes, semelhanças e diferenças, e mais do que isso, suas premissas. Existem muitos artigos, livros e materiais à disposição daqueles que possuem interesse no tema.
  2. Modifique sua relação com a natureza, consigo e com os outros. A natureza é a nossa fonte de vida.
  3. Abra-se para o contato com o mundo espiritual.
  4. Compreenda as dimensões em que o seu próprio corpo atua: física, mental e espiritual, e comece a dar atenção à todas elas. Geralmente, a maior parte dos nossos problemas se inicia nos campos mental e espiritual, e só depois, se manifesta no físico.
  5. Medite! A meditação ajuda você a se conectar com o seu interior e, assim, com o todo que habita dentro de cada um de nós. Além de ser uma base sólida para qualquer caminho espiritual, a meditação traz inúmeros benefícios para a saúde – e claro, atua no campo físico, mental e espiritual.
  6. Preste atenção nos seus sonhos! Sonhos são uma ferramenta muito importante de autoconhecimento, revelações e até mesmo, contato com o mundo espiritual. Eles costumam ser de extrema importância para quem participa de rituais xamânicos.
  7. Agradeça! A gratidão é uma poderosa condutora de energia.
  8. Adote rituais simples de defumação no seu dia a dia, tire alguns minutos para uma limpeza energética com ervas, resinas, incensos e outros.
  9. Introduza elementos cada vez mais naturais nos seus hábitos diários.
  10. Conheça terapias naturais e holísticas, esse é um universo incrível e repleto de possibilidades.
  11. Participe de eventos, rodas e rituais de acordo com o seu grau de compreensão e envolvimento.
  12. Hoje, temos acesso à muitas informações e, com isso, conhecer sobre diferentes práticas xamânicas e rituais está cada dia mais simples. No entanto, muitos acabam por desenvolver suas próprias práticas sem nunca ter tido contato com pessoas mais experientes dentro desse processo. É importante ter a orientação de um tutor, isto é, um xamã, quando decidimos nos aprofundar. Ele será indispensável para esclarecer muitas dúvidas e evitar interpretações equivocadas de práticas sem experiência.

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s